Há um ano atrás fiquei a saber que as vendas na appstore estava ao rubro, que andavam a vender que nem pãezinhos  quentes. Fiquei também a saber que existiam alguns casos de programadores singulares a ficarem ricos com as suas aplicações desenvolvidas para iphone.

Na altura fiquei muito curioso para saber como desenvolver para iphone porque se a appstore vendia assim tanto eu também queria vender as minhas futuras aplicações e quem sabe ganhar muito dinheiro com isso.

Não perdi tempo e comecei a investigar o que era necessário para desenvolver para iphone.

Em pouco tempo  tinha tudo o que era preciso e já andava a aprender Objective C ( um dos  requisitos para desenvolver aplicações para iphone)

Passado um mês  já dominava minimamente o ambiente de desenvolvimento e a linguagem de programação. Estava pronto a começar a minha aplicação que tanto dinheiro me ia dar.

Bem nem sempre as coisas são como nos parecem à primeira vistas. 🙂

Quando laçamos aplicação na appstore ( sim, lançamos, o verbo está certo, eu só programo e era necessário o trabalho de um designer para que o aspecto da app fosse minimamente decente) ficamos à espera que começasse a chover dinheiro na nossa horta mas a verdade é que nada disso aconteceu. A aplicação começou por vender uma a duas unidades por dia e com o tempo esses valores foram baixando.

Fiquei um pouco desiludido ( graças à minha própria ignorância ) e passei umas semanas com pouca vontade de voltar a programar para iphone, mas a verdade é que para se vender uma aplicação 40% do esforço é gasto no desenvolvimento e 60% é gasto na promoção. Com a appstore a coisa não é diferente. As aplicações não se vendem por magia e a resposta á minha pergunta era já conhecida à muito tempo, até por mim.

Pergunta: Quanto dinheiro dá uma aplicação  de iphone por mês?

Resposta: Depende da qualidade do produto e da promoção/divulgação que se faz ao mesmo, assim como em qualquer mercado e com qualquer produto.

Anúncios

O que me chateia mais no processo de aprovação das aplicações para iphone é o tempo que cada aprovação demora.

Isto agrava-se ainda mais quando depois de aprovada um simples update à aplicação e o processo de a provação é precisamente o mesmo.

São 20 dias (ou mais) de espera para saber se uma aplicação foi aprovada ou não.

Este sistema parece ainda pior quando vivido por dentro.

O ano passado fiz uma jogo para iphone  (miniheli) e como todas as aplicações o miniheli não estava livre de bugs. (Os bugs são erros de programação que fazer uma aplicação ter um comportamento erratico em determinadas situações.) As correcções dos bugs nem sempre são lineares , é um processo evolutivo e é aí que a aprovação de updates me deixa com os nervos em franja.

Passo a explicar, detecto um bug na minha aplicação que está na appstore, procedo à sua correcção e submeto novamente a aplicação à aprovação (toca de esperar mais 20 dias) , é extremamente irritante ter uma aplicação nossa com bug  esposta ao mundo e com uma correcção em aprovação durante 20 dias.

Mas isto ainda pode piorar. Digamos que descubro mais um bug só que a aprovação do update ainda vai em 5 dias, o que faço volto a submeter um update perdendo os 5 dias de espera ou espero mais 15 para a aprovação da correcção do 1º bug e logo depois submeto de novo para acorrigir o 2º bug?

Se escolher a primeira opção espero no total 25 dias para ter uma aprovação de 2 bugs.

Se escolher a segunda opção espero apenas 20 para ter a provada a 1ª correcção e mais 20 dias para a 2ª correcção

Por estranho que possa parecer eu prefiro a segunda hipótese, é que numa sabe que não irei encontrar bugs de 5 em 5 dias durante mais tempo que que imaginei. Se isso acontesse, estar estaria constantemente a voltar à estaca zero no tempo de aprovação

Pergunto-me de não haverá uma forma mais eficaz de ver uma app aprovada para figurar na appstore.